quinta-feira, novembro 16, 2006

UM DOS MELHORES PORTUGUESES DE SEMPRE
O Diogo Infante deu uma entrevista ao Expresso no final do mês passado. Ele parece muito reservado com a sua vida pessoal, mas há pouca gente que seja são transparente como este Senhor.

Pergunta do Expresso:
Chegou a falar da possibilidade de internacionalização. Depois deixou-se disso. Porquê?
Resposta do Diogo Infante:
É aqui que estou. Ir para fora tem mais a ver com uma certa ideia de impacto, de proporção. Claro que, se amanhã fizesse um filme que fosse visto na Europa ou no mundo, não deixaria de sentir: «Uau!!». Mas isto não deixa de ser um reflexo da nossa pequenez. Esta falta de auto-estima parece-me mesquinha, pobrezinha. Não me interessa pensar que aqui não fui o actor que poderia ter sido. A verdade é que estou numa situação confortável. Faço o que gosto e tenho um bom mercado de trabalho. Sinto-me bem comigo próprio e consigo ter alguma serenidade.

Se eu votasse no tal concurso dos melhores, o meu voto ia para ele.

Comentários:
Porque não?
O Diogo Infante é um bom actor, interessante...
Beijinhos e um bom fim-de-semana.
 
Tb desde pequenina que gosto dele, e mto :)

Viva o DI :)

Beijos a ti.
 
Também gosto dele. Acho que é um bom actor, que tem alguma coisa na cabeça ao contrário de muitos (para além de ser giro ;P). Não acho certo que andem sempre a especular sobre a sua vida privada (a dele e das outras figuras públicas), sobre a sua orientação sexual.
Já agora, ainda não pensei bem no conceito de melhor português, mas confesso que sem ter pensado muito não gosto. Como é possível pensar nesses termos? Pôr tanta diversidade no mesmo saco? Para que é que isso é preciso? O melhor português é o que fez menos por Portugal mas foi conhecido lá fora ou é o que fez mais e é conhecido por nós?
Não gosto. Não gosto de concursos, onde obrigatoriamente se tem que escolher alguém deixando tanta gente linda de fora da eleição ou mesmo quem sabe da lista. (que fará se tivesse pensado bem :D)
Desculpa o desabafo. Beijitos.
 
Desculpa o tamanho (eu tenho travão na mão).
 
Nem tanto ao mar nem tanto à terra.
eu sei que as senhoras têm todas um fraquinho por ele mas mesmo assim.
 
E gostei muito dessa entrevista que ele deu ... confirmou-me um bocadinho a imagem que tinha dele...

Quanto ao melhor português ... gosto depensar que será sempre aquele que acabou de nascer!
 
De facto é muito bom actor, tudo o que faz envolvesse por completo...
 
realmente e' uma resposta bem sensata.. digo eu que "emigrei"! mas pronto, reconheco o valor dele... e e' tao giro!
 
Antes famoso e com trabalho neste cantinho à beira mar plantado, que anónimo e sem trabalho no estrangeiro... LOL
Também gosto muito dele como actor! :D

Beijos e bom fim de semana
 
Também gosto muito dele, simples, directo, transparente e excelente actor.

Beijinho e bom fim de semana
 
Viver não custa, o que custa é saber viver!
Beijos
 
Oh anita, eu gosto muito que tu me conheças um bocadinho e me dês estas coisas p eu ler e ficar emocionada:)
 
Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Assinar Postagens [Atom]